Vantagens e desvantagens do cartão de crédito

Julio Vazzano
                 

Quer saber como fazer do cartão de crédito um aliado em sua saúde financeira? Te contamos como!

Imagine a seguinte situação: você vai à farmácia em busca de vitaminas para melhorar seu bem-estar e, após um período se medicando, começa a apresentar sérios problemas em sua saúde. Você procura um médico e descobre que esses problemas estão associados ao mau uso das vitaminas. Então, você sai da consulta com uma receita, que prescreve a medida certa de uso.

Assim como os medicamentos, o cartão de crédito surgiu para facilitar nossa vida e, também como os fármacos, o cartão pode ser um remédio ou um veneno, a depender do modo de usá-lo. Por isso, vamos apresentar as vantagens e desvantagens desse item, para que você faça bom uso e consiga, com ele, trazer mais vigor à sua saúde financeira!

Acompanhe o post e descubra o que não fazer e quais práticas adotar para que o cartão de crédito funcione como uma vitamina em suas finanças!

Desvantagens do cartão de crédito

A principal desvantagem em relação a esse item diz respeito ao uso que dele se faz. Isso porque o Brasil é um dos países com maior taxa de juros sobre o cartão de crédito! Ainda que tenha havido mudanças nessas taxas (o que te explicaremos com mais detalhes adiante) elas ainda são altas e perigosas.

Ainda assim, não podemos abrir mão de ferramentas importantes pelo fato de elas apresentarem riscos. Veja os contras desse cartão, tome a atitude mais sábia e dome todos os riscos envolvidos!

Perigos do cartão de crédito

Basicamente, o cartão de crédito é uma linha de empréstimo que te dá acesso imediato ao benefício sem a necessidade de documentos, promissórias e outras burocracias. Apesar de isso ser uma vantagem, é aí que reside o maior perigo! Te explicamos o porquê.

  • Juros da fatura

As exorbitantes taxas de juros sobre o cartão incidem quando não há pagamento integral da fatura. Nesse ponto, a facilidade do crédito pode ser um vilão. Por isso, ao usar o cartão, se programe para efetuar o pagamento integral até a data de vencimento. Afinal de contas, o não pagamento integral de uma fatura pode acabar virando uma bola de neve, com juros se acumulando sobre juros!

  • Uso como complemento de renda.

Por ter fácil acesso ao crédito, muitas pessoas passam a considerar esse valor, ainda que inconscientemente, como renda extra. Com isso, têm a ilusão de que o cartão dá a elas dinheiro no bolso, e acabam aumentando seus gastos. Cuidado! A conta chega, e com juros altíssimos!

  • Fraude

Hoje em dia há vários mecanismos para detectar uma eventual fraude e estornar seu dinheiro. Mesmo assim, você não vai querer essa dor de cabeça e estresse. Por isso, muita atenção aos sites em que você realiza suas compras e também ao fornecimento indevido de dados.

  • Descontrole com pequenos gastos

Mesmo que você não se deslumbre com a facilidade do crédito, o impulso em realizar uma ou outra comprinha a mais, pela facilidade do cartão, pode acabar prejudicando a organização de suas finanças. Esses pequenos gastos, quando somados, podem significar uma quantia muito maior que a imaginada ao final do mês

Juros do cartão de crédito

Os juros do cartão de crédito são altíssimos e giram em torno de 390% a.a.. Entretanto, você pode evitá-los. Mas, infelizmente, isso nem sempre acontece, e diversas pessoas acabam caindo no desengano de entrar em uma das duas modalidades de juros, que veremos a seguir:

  • rotativo, pagamento entre 15% e 100% do valor total da fatura (juros menores);
  • rotativo não regular, pagamento de menos que 15% da fatura (juros maiores).

Mas calma, e a mudança nas regras de taxação dos juros?

Em 1/06/2018 passou a valer nova regra no juros do cartão de crédito, regulamentada pelo Conselho Monetário Nacional. Acompanhe.

  1. Até então, para entrar no juros rotativo, o cliente deveria pagar ao menos 15% do valor total da fatura. HOJE, a percentagem mínima (para o juros rotativo) é estipulada por cada banco e empresa.
  2. A nova regra impede a cobrança de diferentes taxas de juros. Assim o cliente, ao pagar uma percentagem da fatura menor que a estipulada pelo banco ou empresa (rotativo não regular), não pagará juros maiores. Porém, ele poderá ser multado em 2% do valor total da fatura e, além disso, pagar juros de mora, que ficam limitados em 1% a.m..

Vantagens do cartão de crédito

Embora a mudança na regra dos juros não tenha resolvido a questão, o cartão de crédito pode apresentar excelentes vantagens para aqueles que se organizam e não caem nos erros mencionados acima. Veja a seguir como você pode se beneficiar desse item!

  • Prazo para pagamento

Para aqueles que se organizam bem, o prazo para pagamento do cartão, de até 40 dias, pode cair como uma luva na resolução de objetivos, facilitando sua vida e otimizando seu tempo!

  • Parcelamento sem juros

Como muita gente sabe, há determinados investimentos que são mais vantajosos quando há a possibilidade de parcelamento, ainda que o investidor possua a totalidade dos recursos em mãos. Tendo isso em vista, a opção de parcelamento sem juros pode otimizar, e muito, seu dinheiro!

  • Segurança, facilidade e comodidade

Por sua própria materialidade, o cartão de crédito permite que você não ande com grandes quantias de dinheiro. Além disso, ele evita que você distribua sua assinatura pela praça (como acontecia com os cheques) e está sempre ali para algum imprevisto imediato! Ademais, o extrato do cartão, simples e detalhado, pode lhe ajudar na sua organização financeira!

  • Compras na internet

Em nossa sociedade atual, a comodidade tem muita relevância. Nesse sentido, o cartão de crédito é ótimo, uma vez que ele permite a compra de bens no conforto de sua casa, via internet!

  • Prêmios, descontos, milhas…

Se você faz bom uso do cartão, pode acumular pontos e trocá-los pelos mais diversos benefícios! Isso, aliado a outras vantagens, pode impactar positivamente suas finanças e contribuir para um futuro mais próspero financeiramente!

Agora que você está instruído quanto ao modo de uso do cartão de crédito, pode se valer dessa ferramenta na otimização de suas finanças. Seja consciente com o cartão de crédito, para evitar estragos e rombos.

Portanto, mantenha a atitude investigadora e continue pesquisando sobre como melhorar suas finanças! Lembre-se, a ajuda de profissionais pode significar um trampolim no seu crescimento financeiro!

Simplicidade, rentabilidade e segurança.

Descubra como é fácil investir com a Monetus.

Comece agora

Deixe o seu comentário